Networking: 6 dicas de ouro para fortalecer

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
networking
Tempo de leitura: 6 minutos

Networking: 6 dicas de ouro para fortalecer

Saber como fazer networking é essencial para profissionais de essencialmente qualquer área. Afinal, conectar-se com outros profissionais em seu nicho pode servir tanto para o compartilhamento de experiências quanto para fortalecer sua própria imagem no mercado.

Um profissional bem conectado e competente dificilmente se preocupa com falta de oportunidades no mercado de trabalho, por exemplo.

Isso porque é possível alcançar pessoas em sua rede de contatos, que por sua vez também possuem as suas próprias redes de contatos e podem ajudá-lo a se posicionar em vagas. 

Claro, isso não significa que você deve depender de indicações para ser um profissional competitivo: o ideal é investir em suas habilidades e competência.

Mas afinal, como realmente fazer networking? Ouvimos muito sobre a importância do networking, especialmente no universo acadêmico, como nas universidades, mas como de fato conectar-se com pessoas e criar uma rede de contatos?

É exatamente isso que abordamos neste artigo, confira nossas dicas, coloque-as em prática e você conseguirá se conectar com profissionais em seu nicho rapidamente.

O que é networking?

Networking ou rede de contatos é o termo que define, essencialmente, o círculo de pessoas com as quais você mantém relações profissionais, não se limitando ao seu nicho e nem apenas aos profissionais que trabalham em sua empresa ou que fazem parte de sua equipe.

Para grande parte dos profissionais, o ambiente de trabalho é onde você passa a maior parte de seu tempo – levando isso em consideração, é possível começar a entender a importância de desenvolver habilidades que te ajudem a fortalecer como você se relaciona com as pessoas no mesmo ambiente.

Entretanto, é importante compreender que networking é uma via dupla. Um bom network pode ajudá-lo a assegurar novas oportunidades de trabalho no mercado, assim como também faz com que você possa oferecê-las e apresentá-las para profissionais em sua rede de contatos, por exemplo.

Profissionais que fazem network apenas com o objetivo de obter, mas nunca oferecer algo em retorno, normalmente têm mais dificuldade em manter relacionamentos duradouros. Você poderá entender melhor este conceito nas dicas abaixo, vamos lá!

1. Seja empenhado em sua área de atuação

A primeira dica para garantir que você tenha boas chances de se conectar com demais profissionais em seu nicho é ser realmente empenhado. Considere o exemplo:

É bem provável que você conheça certos funcionários ou colegas de trabalho que claramente não apresentam uma boa índole no ambiente de trabalho, reclamam constantemente, não são produtivos e não se empenham no que fazem. 

Pergunte a si mesmo: este é o tipo de profissional que você gostaria de ter em sua rede de contatos, para trabalhar em projetos? Se a sua resposta é não, então certifique-se que você mesmo não apresente o perfil mencionado acima.

Em um âmbito geral, pessoas gostam de se conectar com pessoas, mas para que isso ocorra, é necessário que a percepção de confiabilidade e competência seja mútua.

Por isso, seja um profissional empenhado em todos os sentidos da palavra, seja útil para si mesmo e para aqueles ao seu redor e, principalmente, continue sempre se dedicando para desempenhar bem as suas atividades. Este é o tipo de profissional que você gostaria de ter em sua rede de contatos, certo?

2. Melhore suas habilidades de comunicação

Dominar habilidades de comunicação e ter um bom comportamento no ambiente de trabalho é essencial para melhorar seu networking – este é de longe um dos aspectos mais importantes para criar relacionamentos duradouros.

Sabemos que pessoas são diferentes: extrovertidas, introvertidas, tímidas ou excêntricas, entre diversas outras classificações comportamentais. Todavia, no ambiente de trabalho, é importante se esforçar ativamente para ser uma pessoa acessível e flexível.

Foque no compartilhamento de informações úteis e construtivas para aqueles ao seu redor, ao invés da disseminação de fofocas ou reclamações e, sempre que julgar necessário, reforce este conceito para pessoas que falam mal de outros colegas ou reclamam muito em seu próprio ambiente de trabalho.

Não se exclua de atividades que envolvam a equipe com quem trabalha e busque aproximar-se das pessoas com as quais você se relaciona por mais de oito horas por dia, cinco ou mais dias na semana.

Inclusive, além de respeitar todos os seus colegas de trabalho, lembre-se também de respeitar os seus clientes e outros profissionais com quem interage fora de seu ciclo empresarial.

Afinal, as chances são que você pode encontrá-los no futuro em diferentes situações: como integrantes de sua equipe, empregadores, etc.

Apresentar-se como alguém acessível, íntegro, com boas habilidades de comunicação em todas as plataformas (ambiente físico e digital, como nas redes sociais ou mesmo no WhatsApp) é realmente um dos pilares para um bom networking. A sua própria linguagem corporal pode afetar como você é visto!

3. Esteja presente nas redes sociais (especialmente LinkedIn)

Quando falamos sobre networking no âmbito profissional, não há como deixar de mencionar as diversas plataformas de relacionamento disponíveis no ambiente digital, especialmente o LinkedIn.

Aqui, quando falamos para estar presente nas redes sociais não estamos necessariamente falando para compartilhar e expor a sua vida privada, mas sim para utilizá-las conscientemente com o objetivo de se conectar com demais profissionais.

Experimente, por exemplo, usar as redes sociais para:

  • Escrever e publicar um artigo sobre algo que você domina;
  • Reagir positivamente quando alguém publicar um material relevante para você e buscar se informar mais sobre o assunto;
  • Passar adiante anúncios de vagas e oportunidades com seus próprios contatos;
  • Participa de grupos e comunidades que buscam ativamente compartilhar informações úteis em seu nicho e interagir com seus membros;
  • Convidar profissionais para participar de eventos físicos ou digitais (como webinários, palestras online);
  • Compartilhar eBooks, cursos e mentorias em sua área de atuação e se conectar aos demais profissionais que participam dos mesmos;

Hoje, frequentemente as redes sociais são percebidas como uma plataforma para divulgar fotos ou interagir com contatos em um nível pessoal. Todavia, em paralelo a isso, você também pode transformá-las em uma plataforma para fortalecer seu networking.

Além do LinkedIn, que é uma rede social inteiramente dedicada ao networking profissional, já podemos observar diversos empreendedores que usam seus perfis no Facebook, Twitter e Instagram, por exemplo, para disseminar informações de âmbito profissional, algumas vezes até mesmo através de lives – transmissões ao vivo.

Seja você um ávido usuário das redes sociais ou alguém que repudia por acreditar que as publicações compartilhadas não têm valor, vale a pena considerar que hoje você tem o poder de transformar as redes sociais em plataformas informativas e capazes de alavancar o networking.

4. Participe de eventos melhorando seu networking

Eventos relacionados à sua área de atuação são excelentes oportunidades de fortalecer seu relacionamento com quem já faz parte de sua rede de contatos, assim como conhecer novas pessoas da área.

Não é difícil se encontrar em uma bolha social na qual você só conhece e interage com as pessoas em seu próprio ambiente de trabalho ou que fazem parte de sua equipe e só consome informações que o mesmo círculo de contatos perpetua.

Por isso, aproveite eventos para conhecer diferentes projetos e o trabalho de outros profissionais em seu nicho.

Frequentemente, você pode encontrar, em outros profissionais, inspiração ou novas ideias que podem ser empregadas em seu próprio negócio ou rotina.

5. Faça cursos e mentorias em sua área

Para quem está em busca de começar a construir seu próprio networking, como por exemplo novos profissionais no mercado de trabalho, poucas atividades são tão enriquecedoras quanto participar de cursos ou mentorias em seu nicho.

Afinal, estes são ambientes dedicados inteiramente à pessoas como você: os demais alunos estão interessados em aprender sobre assuntos em sua área e os mentores e professores certamente já possuem suas próprias conexões em um nicho no qual você deseja adentrar.

O ambiente acadêmico, como as universidades, são de fato uma excelente oportunidade para começar a construir seu networking, mas para alguém que já possui formação na área e já possui experiência, cursos extracurriculares podem ser ainda mais frutíferos no que diz respeito à conectar-se com pessoas que compartilham a sua profissão.

Neles, você pode encontrar tanto futuros colegas de trabalho quanto empregadores, empreendedores ou até mesmo possíveis parceiros comerciais.

6. Seus concorrentes não são seus inimigos

Por fim, outra dica de ouro para quem busca fortalecer seu próprio networking é sempre manter em mente que concorrentes em seu nicho não são inimigos e, por isso, você realmente não deve tratá-los como tal.

Nunca se sabe quando você poderá se encontrar em uma situação na qual precisará das oportunidades de trabalho oferecidas pelos seus concorrentes atuais. Ou até mesmo oportunidades de transformá-los em parceiros comerciais para fortalecer e impulsionar ambas marcas.

No que diz respeito ao mercado de trabalho, em essencialmente qualquer situação, não há nada a se ganhar ao agir com má índole e falta de respeito para com os demais profissionais de qualquer nicho, esteja você em uma posição de cliente ou de prestador de serviços.

Por isso, sempre busque fortalecer o relacionamento com clientes, parceiros, concorrentes e demais colegas de trabalho.

Pronto para colocar em prática nossas dicas de networking?

Esperamos que tenha encontrado novas formas de fortalecer o seu networking através de nossas dicas.

Coloque-as em prática o quanto antes e se esforce para deixar uma impressão positiva, seja onde estiver, temos certeza que isso impactará positivamente a construção de sua própria rede de contatos!

Para conhecer mais o Meets CRM e todo o seu potencial, acesse aqui.

Cauê Gimeno

Cauê Gimeno

Deixe seu comentário

Posts Recentes

Sobre nós

O Meets foi concebido para tornar as coisas simples e práticas. Ao permitir que você visualize todo o seu processo de vendas acompanhando as atividades certas a serem realizadas.

Siga-nos

Vídeo Tutorial

Comece com conta GRATUITA!

Nenhum cartão de crédito é necessário.
Ao clicar em “Cadastre-se”, você concorda com a nossa Política de Privacidade