1. Inicio
  2. Documentos
  3. Funis de vendas e atendimento
  4. Qual a diferença de funil de vendas e funil de atendimento?

Qual a diferença de funil de vendas e funil de atendimento?

Tempo de leitura: 4 minutos

Qual a diferença de funil de vendas e funil de atendimento?

Funil de vendas e funil de atendimento

A diferença está na denominação e nas atividades. O funil de vendas é utilizado para implantar ou aperfeiçoar o seu sistema de vendas. Por outro lado, com o funil de atendimento você pode criar um padrão de atendimento dentro de sua empresa.

Saiba mais sobre os funis de vendas e de atendimento, bem como sobre a diferença de um para outro. 

Funil de vendas

Um funil de vendas é um recursos que mostra toda a jornada de um cliente com a sua empresa, desde o primeiro contato estabelecido lá atrás, quando ele demonstrou interesse pela sua marca, até o fechamento de algum negócio.

E qual a composição de um funil de vendas?

Ele é simplesmente formado por uma série de etapas que, em conjunto, dão suporte à jornada de compras dos perfis de clientes de um negócio

Com o funil de vendas, você consegue estreitar mais a relação entre os times de marketing e vendas da sua empresa, na medida em que eles dependem diretamente de informações um do outro para estruturar melhor a jornada do cliente e saber o momento certo para fechar as oportunidades. 

As etapas de um funil de vendas remetem ao processo de compra de um cliente, estando o funil dividido da seguinte forma: 

Meets-funil-de-vendas-1

Topo do funil: aqui é quando um potencial cliente percebe que a sua empresa chamou atenção. Os clientes têm alguma necessidade a ser sanada e a sua empresa pode dar conta dessa missão. 

No topo do funil, você deve oferecer conteúdos aos clientes, para alimentá-los mais sobre o seu negócio e, também, captar dados sobre eles, que são essenciais para que esse sujeito se torne um lead e avance nas próximas etapas do funil até fechar uma venda. 

 

Meio do funil: neste estágio o principal objetivo é construir um relacionamento com o potencial cliente para saber quais são os objetivos finais dele. Você deve, portanto, fornecer todo o suporte técnico necessário para ajudar esses potenciais consumidores. 

Agora cuidado, isso não quer dizer que você vai agir para vender a qualquer custo nessa fase. Muito pelo contrário, a veja como uma oportunidade de qualificar um lead e nutri-lo ainda mais sobre os produtos/serviços ofertados pela sua empresa. 

Abaixo listamos algumas ideias de conteúdo para a etapa do meio do funil:

  • Campanhas de email;
  • Postagens no blog;
  • Chatbots de vendas;
  • Páginas nas redes sociais;
  • Oferecendo testes grátis;
  • Campanhas de retargeting

 

Fundo do funil: após alimentar de maneira qualificada os seus leads, nesta etapa eles se tornam oportunidades de negócio. Ou seja, você os lapidou e agora está pronto para fechar um uma compra e converter clientes. 

O objetivo não é unicamente fechar vendas, mas garantir uma experiência excelente para o cliente, de modo que o sucesso dele seja garantido e a vontade de continuar ligado à sua empresa aflore. A relação de confiança empresa-cliente é fundamental para um processo pós-venda e de fidelização

 

Funil de atendimento

Também conhecido como “funil de suporte”, o funil de atendimento foca na estruturação do processo de atendimento ao cliente de modo sistematizado, de modo que a interação cliente-empresa seja muito mais assertiva. Ou seja, o foco é na experiência do cliente. 

O funil de atendimento está dividido em três etapas, as quais podem ser conferidas abaixo: 

funil de vendas e funil de atendimento meets

Topo do funil: na parte superior do funil fica a etapa de prevenção, ou seja, o objetivo é prevenir a entrada de chamados para as equipes de atendimento e suporte. Esse chamado são problemas contestados pelos clientes e é no topo do funil que se busca prevenir a entrada das reclamações. 

Portanto, busca-se sanar o máximo de dúvidas possível para evitar reportações maiores com a equipe de suporte. 

Para isso, são realizadas duas ações básicas: identificação dos problemas e ação de prevenção, que deve ser rápida. 

 

Meio do funil: neste estágio ocorre o autoatendimento, ou seja, são fornecidas possibilidades para que os cliente possam solucionar problemas sozinho. Um exemplo de ferramenta que auxilia nessa etapa é o chatbot

Quer saber mais sobre Chatbot? Leia o nosso conteúdo do blog aqui

Com o autoatendimento, tem-se em mente a ideia que o cliente consiga rapidamente achar uma solução para um ponto que não foi sanado na etapa anterior. 

 

Fundo do funil: a terceira etapa do funil de atendimento diz respeito ao processo de resolução ou suporte à problemas. Aqui, a sua empresa precisa contar com um time qualificado para dar um suporte de excelência ao público, tendo um alto índice de exatidão e resolução de problemas. 

 

Funil de atendimento X funil de vendas

A principal distinção entre os dois funis está no resultado final. O funil de atendimento foca na resolução de problemas apontados pelo público, seja através do autoatendimento ou do contato direto com o suporte da sua empresa. Por outro lado, o funil de vendas objetiva a conversão de leads em clientes ativos

É importante destacar que o funil de atendimento também gera conversões, sobretudo através do seu atendimento personalizado, o que garante uma melhor experiência ao cliente. 

funil de vendas e funil de atendimento meets

Quer saber mais sobre o Meets?

Acesse aqui os demais arquivos de suporte.

Ainda não tem uma conta no Meets? Comece aqui

Fique por dentro dos nossos conteúdos

Acesse o nosso canal no YouTube e confira vídeos de tutoriais e conteúdos.

Além disso, leia os melhores artigos sobre marketing e vendas no nosso blog.

WhatsApp-Image blog meets

Ainda com dúvidas sobre o Meets e/ou deseja falar com os nossos especialistas? Entre em contato conosco via WhatsApp ou preencha os seus dados no formulário abaixo que a nossa equipe entrará em contato. 

Etiquetas , ,
Este artigo foi útil para você? Sim Não 1